Os 7 Mergulhos De Naamã - Ilustração

A história de Naamã narrada na Bíblia Sagrada faz parte de um dos diversos eventos milagrosos mencionados na palavra de Deus.

Naamã era uma pessoa de destaque, uma vez que ocupava um cargo de grande relevância na Síria. Ele era comandante do exército no período do rei da Síria, Ben-Hadade.

Ou seja, ele não era uma pessoa comum; sua posição era de conceito e, portanto conhecido do rei Ben- Hadade. Apesar de ser um indivíduo altamente reconhecido pelas suas habilidades, a Bíblia diz que ele era leproso. “… homem valoroso, porém leproso.” (II Reis 5:1)

O Que Foi o Evento Dos 7 Mergulhos De Naamã?

Como uma pessoa doente dessa enfermidade devastadora (a lepra), podemos supor que ele ansiava fortemente por uma cura. Ele precisava acabar com aquele sofrimento de forma urgente.

Por ser alguém importante na Síria esse homem acabava tendo algumas “regalias”. 

Um exemplo disso foi quando as tropas Sírias raptaram uma menina de Israel, e ela passou a servir como escrava da esposa de Naamã.

É essa menina que revela como ele poderia se curar da lepra: tendo um encontro com o profeta Eliseu em Samaria.

Naamã ouviu o que a menina disse e levou isso até ao rei da Síria. Eles então enviam uma carta ao rei de Israel pedindo para que ele restaurasse o chefe do exército da lepra.

O rei de Israel chega a rasgar as vestes temendo arranjar confusão com o rei da Síria, já que o pedido era muito ousado, e caso não conseguisse resolver esse grande problema, o que era provável, teria sérios atritos com a Síria.

Diante dessa situação, o profeta Eliseu toma conhecimento sobre o desespero do rei, e pedi para que Naamã vá encontrá-lo em casa.

Naamã então vai com os seus cavalos e o seu carro até a porta da casa do profeta Eliseu, o qual manda um mensageiro atendê-lo e orientá-lo sobre o que deveria ser feito para que fosse curado da lepra. “Então, Eliseu lhe mandou um mensageiro, dizendo: Vai, lava-te sete vezes no Jordão, e a tua carne será restaurada, e ficarás limpo” (2 Reis 5:10).

A orientação, portanto trazida pelo mensageiro, dizia que Naamã deveria se banhar sete vezes no rio Jordão para que a pele fosse restaurada da lepra. Daí os 7 mergulhos de Naamã.

Por que Naamã Deu 7 Mergulhos?

Para quem conhece a palavra de Deus, sabe que para Ele não há impossíveis. Ele sara qualquer enfermidade.

Porém, Naamã mostrou-se inconformado com a orientação que o mensageiro trouxe; ele acreditava que teria um encontro com o profeta e que o mesmo oraria a Deus para que Ele o curasse. Além disso, pensou que poderia mergulhar em águas melhores, como as dos rios em Damasco.

O que Naamã não sabia é que antes de queremos qualquer coisa, devemos obedecer a palavra de Deus. Não adianta acreditar que as coisas vão acontecer da maneira que esperamos. Deus quando age faz tudo conforme a própria vontade.

Apesar desse pensamento inicial, ele ouviu os conselhos de seus oficiais, e fez tudo conforme foi orientado pelo profeta Eliseu.

Naamã deu os sete mergulhos no rio Jordão porque acreditou na possibilidade de ficar curado, mesmo sendo um ato simples; o homem sírio ficou livre da lepra.

Ele simplesmente obedeceu e obteve sua cura.

“Então, desceu e mergulhou no Jordão sete vezes, consoante a palavra do homem de Deus; e a sua carne se tornou como a carne de uma criança, e ficou limpo” (2 Reis 5:14).

Quais Foram Os 7 Mergulhos De Naamã?

De acordo com o que se estuda da Bíblia Sagrada, o número sete é o numero da perfeição, de tudo que está completo e bem acabado.

A Bíblia Sagrada não menciona nomes para os mergulhos de Naamã. O que podemos pensar é que cada mergulho poderia representar alguma coisa, uma vez que Deus trabalha com detalhes.

Quando sabemos que a mensagem era para que Naamã desse sete mergulhos, e não outra quantidade, é motivo para pensarmos em um propósito determinado por Deus.

De acordo com as características desse evento de cura mencionado na Bíblia, podemos pensar no seguinte:

Primeiro Mergulho:

Naamã estava apresentando a sua enfermidade.

Segundo Mergulho:

Ele estava retirando a altivez do coração e se prostrando à vontade Deus.

Terceiro Mergulho:

Naamã estava mergulhando no lugar onde foi ordenando por Deus em sinal de obediência.

Quarto Mergulho:

Naamã estava cumprindo a quantidade exata de mergulhos. Tudo conforme a palavra de Deus.

Quinto Mergulho:

Ele estava arrependido de ter resistido em primeiro momento à orientação de Deus.

Sexto Mergulho:

Naamã se entrega à vontade de Deus por inteiro. Aprende que não pode questionar e sim obedecer.

Sétimo Mergulho:

Naamã aprendeu com os mergulhos a se lançar nos braços de Deus. Obedeceu a sua palavra e fez o que devia pra receber a cura.

Esse caso faz com que observemos, de modo geral, como Deus trata o ser humano.

Deus usou dessa situação para que Naamã aprendesse de fato que é necessário obedecer em primeiro lugar, por mais que não haja entendimento lógico humano; obedecer a Deus sem questionar, isto é, ter fé de verdade de que Deus é capaz de tudo.

Não importa onde será o milagre e nem como sucederá. Quando Deus age sabe o que faz. E é somente Ele quem cura toda e qualquer enfermidade.

Aprendemos, portanto, que Deus está apto a realizar coisas inacreditáveis em nossas vidas, mas antes de tudo ele quer que nos entreguemos a Ele de verdade, porque Ele sabe cuidar de nós.

Para Deus a nossa fé deve ser inabalável. Devemos acreditar Nele sem medo e sem dúvidas. É Deus quem controla tudo.

Os 7 mergulhos de Naamã representam a humildade que devemos possuir diante de Deus. Naamã era um chefe de exército, muito respeitado, mas teve que deixar o orgulho de lado e mergulhar em um rio para que fosse curado.

Ele não foi recebido com grande honra pelo Profeta Eliseu, com imposição de mãos e orações, assim como ele imaginava que seria.

Os 7 mergulhos de Naamã mostram a sua cura perfeita e completa, ou seja, ele foi curado por fora e por dentro; foi curado em seu físico e em seu interior.

A prova disso é que além de ter sido curado da lepra, ele se arrependeu do que pensou, obedeceu a palavra de Deus, e quis recompensar o profeta Eliseu.

Você Comete Esses Erros Ao Ler a Bíblia?

Nós preparamos um super conteúdo que mostra quais os 4 principais erros cometidos por cristãos ao ler a Bíblia.

Será que você comete alguns desses erros?

Além de apresentar quais são esses erros você vai aprender como ler a Bíblia com mais facilidade e regularidade.

E, principalmente, como ter uma compreensão maior dos textos bíblicos sem precisar sair de casa.

Clique aqui ou no botão abaixo e descubra os 4 erros mais comuns na leitura bíblica. (o quarto erro é o mais comum de todos…)

Clique Aqui Para Ler Agora o Artigo

 

 

 

 

 


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!