Qual É a Estrutura De Um Sermão Expositivo?

Pregar a palavra de Deus é uma tarefa que exige muito amor, dedicação e entrega total. Para aqueles que proporcionam aos seus ouvintes o ensinamento da Palavra de Deus é importante estar atento aos estudos e à exposição do sermão.

Dessa forma, se evita qualquer tipo de heresia, ou que se confunda as pessoas que estão ali para ouvir e aprender de fato toda verdade sobre Deus.

Pensando nisso, o pregador da palavra de Deus deve dominar os tipos de sermão para que seja capaz de transferir a mensagem de Deus da melhor maneira possível, ou seja, sem expor ideias equivocadas sobre as Escrituras Sagradas.

Aqui você irá conferir qual é a estrutura de um sermão expositivo: parte por parte. Confira!

Qual É a Estrutura De Um Sermão Expositivo?

Na estrutura de um sermão expositivo toda a elaboração é criada considerando apenas um texto, o qual costuma ser longo.

Ou seja, a ideia principal da mensagem é feita por meio dos versículos do texto utilizado para pregar. Juntos eles compartilham de um mesmo pensamento.

Dessa forma, a estrutura de um sermão expositivo deve estar atrelada a toda a ideia retirada de um único texto.

  • Estrutura De Um Sermão Expositivo: Parte Por Parte

Todo sermão precisa ter:

TEMA E TÍTULO.

– INTRODUÇÃO: apresentação do tema

DESENVOLVIMENTO: a) decomposição do texto bíblico b) argumentação c) ideia central

– CONCLUSÃO: pontuações finais, aplicação prática e apelo

  • Estrutura De Um Sermão Expositivo: Exemplo (Isaías 6:1-8)

A VISÃO DE ISAÍAS : devemos notar a soberania de Deus

lugar de Deus: “No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi também ao Senhor assentado sobre um alto e sublime trono; e a cauda do seu manto enchia o templo.” (Isaías 6:1)

santidade de Deus:Serafins estavam por cima dele; cada um tinha seis asas; com duas cobriam os seus rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com duas voavam. E clamavam uns aos outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória.”
(Isaías 6:2,3)

presença de Deus:E os umbrais das portas se moveram à voz do que clamava, e a casa se encheu de fumaça.” (Isaías 6:4)

RECONHECIMENTO DE ISAÍAS:

devemos reconhecer quem somos: “Então disse eu: Ai de mim! Pois estou perdido; porque sou um homem de lábios impuros, e habito no meio de um povo de impuros lábios; os meus olhos viram o Rei, o Senhor dos Exércitos”.
(Isaías 6:5)

devemos saber que Deus nos limpa do pecado: “Porém um dos serafins voou para mim, trazendo na sua mão uma brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz;E com a brasa tocou a minha boca, e disse: Eis que isto tocou os teus lábios; e a tua iniqüidade foi tirada, e expiado o teu pecado”. (Isaías 6:6,7)

ENTREGA DE ISAÍAS:

devemos estar disponíveis para Deus:Depois disto ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então disse eu: Eis-me aqui, envia-me a mim.” (Isaías 6:8)

Estrutura De Um Sermão Expositivo: Considerações

Vimos, portanto, a estrutura de um sermão expositivo e um texto bíblico para exemplificar.

 Vale dizer, no entanto, que antes de se pensar em como funciona a estrutura de um sermão expositivo, ou qual tipo de sermão utilizar em uma pregação, o pregador deve saber que o mais importante é que a mensagem seja entregue de forma a atrair as almas pra Cristo.

Além disso, o foco deve ser que na mensagem não haja nenhum uma ideia equivocada sobre as coisas de Deus.

“Procurou o pregador achar palavras agradáveis; e escreveu-as com retidão, palavras de verdade.” (Eclesiastes 12:10)

Então, para que o pregador consiga fazer bom uso de uma pregação expositiva, ele precisa estudar a fundo o texto bíblico que ele selecionou; buscar compreendê-lo em suas entrelinhas e orar para que o Espírito Santo de Deus o revele qual ideia principal que ele precisa destacar para entregar à igreja uma mensagem totalmente inspirada por Deus.

“As quais também falamos, não com palavras que a sabedoria humana ensina, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais.” (1 Coríntios 2:13)

Atualmente há em diversas igrejas pregações envolventes; utilizando a Palavra de Deus, porém feitas de forma nada inspirada.

Dessa forma, você que é cristão ou que está em busca de aprender mais sobre Deus, saiba que é preciso tomar muito cuidado com esses tipos de pregações. Então, é recomendado sempre observar se a mensagem tem a ver com a essência do evangelho.

“Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo.” ( 1 João 4:1)

“Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem não ouviram falar? E como ouvirão, se não houver quem pregue? E como pregarão, se não forem enviados? Como está escrito: “Como são belos os pés dos que anunciam boas-novas!”(Romanos 10:14-15)

“O fruto da retidão é árvore de vida, e aquele que conquista almas é sábio.” (Provérbios 11:30)

Que através desse texto sobre a estrutura de um sermão expositivo, você que pretende pregar a palavra de Deus possa fazer bom uso a fim de entregar a mensagem do Senhor de forma correta,

E que você ofereça acima de tudo o alimento de Deus para as almas que tanto necessitam.

O Segredo Dos Maiores Pregadores…

Você deseja com conhecimento bíblico profundo, dominando a oratória, e com boa dicção?

Ou ainda deseja aprender como citar versículos de cabeça, sem timidez e com total eloquência?

Sim? Então, o pregador Wallace Mello quer te ajudar.

Ele desenvolveu um manual que já ajudou milhares de pregadores por todo o Brasil a elaborar e apresentar sermões altamente impactantes.

No manual ele selecionou as melhores estratégias usadas pelos grandes pregadores.

Para entender melhor como esse manual funciona clique aqui ou no botão abaixo.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário